últimas notícias








Notícias

1 08/04/2021 15:47

Mantendo o compromisso do resgate da memória do povo do sertão, a II Feira Literária de Canudos (Flican) tem início nesta quinta-feira (8/4), às 14h, e segue até sábado (10/4), de forma virtual. Ao longo desses três, serão abordados temas variados que retratam a história dos excluídos, além da arte e da literatura contemporâneas brasileiras, por meio de apresentações de poesia, cordel, bate-papo com escritores e pesquisadores, além de lançamento de livros e shows musicais. Para o público infantojuvenil, a Flicanzinha vai oferecer contação de história, teatro de bonecos e poesia para crianças.

A programação começa às 14h, com o Desfile Literário, seguido da performance Interpoéticas. A primeira mesa tem início às 14h40, abordando o tema Assombros e Encantados no Imaginário Sertanejo. Às 16h, acontece o lançamento do Selo Flican e a premiação do concurso literário voltado para a produção intelectual dos estudantes de Canudos.

No início da noite tem um concerto da celebrada Orquestra Sisaleira. A abertura oficial acontece, às 19hh50, com a participação do secretário de Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, do presidente da Fundação Pedro Calmon, Zulu Araújo (representando a Secretária da cultura Arany Santana), do reitor da UNEB, José Bites de Carvalho, do prefeito de Canudos, Jilson Cardoso, do presidente do Instituto Popular Memorial de Canudos (IPMC), Vanderlei Leite, e do curador da Flican, Luiz Paulo Neiva.

Já conferência inaugural feira José Calasans, o demiurgo de Canudos será proferida , às 20h25, pela professora emérita de teoria literária e literatura comparada da USP, Walnice Galvão, com mais de 42 livros publicados, uma das maiores estudiosas da obra de Euclides da Cunha e da história da luta de maior resistência do sertão brasileiro.

Entre os convidados dos três dias da Flican estão os jornalistas Xico Sá e Franklim Martins, o cineasta Antônio Olavo, o historiador Manoel Neto, os escritores Aleilton Fonseca, Franklin Carvalho e Marcelino Freire, o poeta Bráulio Tavares e os diretores teatrais Paulo Dourado, José Celso Martinez, criador do lendário Teatro Oficina, e o fotógrafo premiado internacionalmente Evandro Teixeira. Nas atrações musicais, estão Targino Gondim, Gereba, Fábio Paes, Roze, a Orquestra Sisaleira de Conceição de Coité e Bião de Canudos.

Flicanzinha

Nas manhãs da sexta e do sábado (9 e 10/04), a Flicanzinha vai oferecer uma programação especial para o público infantojuvenil. As atividades envolvem contação de histórias, apresentação de cordel e de poesia, visita virtual ao Memorial Antonio Conselheiro e um relato primoroso, à cargo da Profa. Jocilene Valença Varjão, sobre a Aprendizagem e resistência em tempo de pandemia nas escolas do município, e outra sobre a mulher na vivência poética.

A II Flican é uma realização da Dona Edite Comunicação Integrada, com curadoria do professor e pesquisador Luiz Paulo Neiva. O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Pedro Calmon (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.

Toda a programação da feira poderá ser conferida, gratuitamente, pelo público nos canais do Youtube do Campus Avançado da Uneb em Canudos (www.youtube.com/channel/UCqhzm86LpAdRG0jqMBJ0nEQ) e da Canudos TV (https://www.youtube.com/user/lequinhocriativo).

Rua Tiradentes, 30 – 4-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 - A Força da Comunicação.
© 2010 - RBR Notícias - Todos os direitos reservados.