últimas notícias








Notícias

1 03/05/2021 16:36

A Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC&Logística) divulgou nesta segunda-feira (3/5) o tradicional levantamento que mostra que, em 2020, o Brasil registrou 14.159 ocorrências de roubos de cargas. O relatório tem como base informações colhidas em fontes formais e informais.

Segundo o levantamento, em comparação com 2019, houve uma queda de 23%, já que, no ano passado, o número registrado foi de 18.382. No entanto, os prejuízos computados ao setor somam R$ 1,2 bilhão.

“Desde 2017 onde tivemos o maior número de ocorrências desde que nossa área de segurança vem monitorando, estamos acompanhando uma redução, e isso é positivo, mas mesmo assim estamos falando de milhares de roubos em todo o Brasil, e a NTC, juntamente com os órgãos públicos e privados vão continuar trabalhando para que esses crimes não aconteçam mais”, explica o presidente da empresa, Francisco Pelucio. 

O assessor de segurança da NTC&Logística, coronel Paulo Roberto de Souza, explica que a redução tem a ver com o investimento das empresas em tecnologias e medidas de segurança em suas operações. As ações possibilitam uma resposta mais rápida e ativo, em relação às tentativas de delito. Além disso, o coronel acredita que os órgãos de segurança pública tem atuado com mais rigor no combate aos delitos de roubos de cargas.

REGIÕES

A região mais afetada por roubos de carga, conforme o levantamento, é a Sudeste, com 81,33% das ocorrências. Em seguida, aparecem as regiões Sul, com 8,89%; Nordeste, com 6,66%; Centro-Oeste, 1,91%; e, por último, a região Norte, com 1,21%.

PRODUTOS

Ainda segundo a NTC&Logística, os produtos mais visados, estão os gêneros alimentícios, cigarros, eletroeletrônicos, combustíveis, bebidas, artigos farmacêuticos, autopeças, defensivos agrícolas e têxteis e confecções.

Rua Tiradentes, 30 – 4-º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.571-115
Tel.: (75) 3631-2677 - A Força da Comunicação.
© 2010 - RBR Notícias - Todos os direitos reservados.